.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.posts recentes

. 11 de Fevereiro - Dois an...

. SEMANA DA VIDA

. ADAV-VISEU … UM NOVO FÔLE...

. Feliz 2008... em favor da...

. Vidas abortadas legalment...

. MADELEINE

. 2007, Maio, 6 - Dia da Mã...

. Vamos caminhar pela vida!

. Dia Internacional da Mulh...

. A REN e os resultados do ...

.arquivos

. Fevereiro 2009

. Maio 2008

. Janeiro 2008

. Agosto 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

O seu nome / e-mail:
Comentários / Perguntas:

Como encontrou este blog?
Gostou deste blog?
Sim Não
meet singles contador usuarios online Salud sites

.Consigo, já são...

Free Cell Phones
Las Vegas Condos
blogs SAPO

.links

Domingo, 28 de Janeiro de 2007

Caminhada pela Vida! Viseu terá representantes!

publicado por adavviseu às 00:09

link do post | comentar | favorito
|
5 comentários:
De José Costa a 28 de Janeiro de 2007 às 23:53
Foi maravilhosa a Caminhada pela Vida!
Que bom é saber que o país está mobilizado para defender os seres humanos em desenvolvimento no ventre materno mesmo quando a comunicação adopta comportamentos sectários e não isentos na cobertura jornalística dos acontecimentos importantes em defesa do valor maior!
O Aborto é Morte! E quando se coloca na balança da análise individual a Vida e a Morte, todos temos o dever moral de optar SEMPRE pela Vida!
De FÁTIMA a 30 de Janeiro de 2007 às 12:08
PELA VIDA, SEMPRE... COM AMOR, CARINHO, DEDICAÇÃO, ENTREGA...

UMA VIDA ONDE O "EU" FICA EM SEGUNDO PLANO PORQUE O "OUTRO" ESTENDE A MÃO A PEDIR APENAS O OLHAR ATENTO, O GESTO ÚNICO DE QUERER SER ACOLHIDO...

É ESTE GRITO QUE QUEREMOS FAZER OUVIR.

NA FASQUIA DE VALORES, O MAIS ALTO, É SEM DÚVIDA, A VIDA!...

ASSUMIR A VIDA COM DIGNIDADE, ASSUMIR COM RESPONSABILIDADE CADA GESTO MEU.

NO DIA 28, ESTIVE EM LISBOA, NÃO POR UMA QUESTÃO PENAL MAS POR UMA QUESTÃO HUMANA, REPRESENTANDO TODOS AQUELES QUE NÃO TÊM VOZ MAS QUE EXIGEM, TÊM DIREITO À PROTECÇÃO, TÊM DIREITO A SER AMADOS.

EXIGIMOS MAIS CONDIÇÕES SOCIAIS, QUEREMOS AJUDA PARA COMBATER A POBREZA, A MISÉRIA, A SAÚDE...

NÃO É MATANDO QUE FAREMOS A SOCIEDADE JUSTA QUE TODOS SONHAMOS...

NÃO É SENDO LIVRE PARA DESTRUIR O FILHO QUE EU GEREI, MESMO QUE NUM MOMENTO DE IRRESPONSABILIDADE, QUE EU SEREI MAIS FELIZ, QUE EU SEREI MAIS JUSTA, QUE EU SEREI MAIS LIVRE...

É URGENTE FALAR COM VERDADE, NÃO FAZER DESTA QUESTÃO, UMA QUESTÃO PARTIDÁRIA...

MAIS QUE AS FRASES FEITAS, OS CHAVÕES QUE SE FAZEM OUVIR, É URGENTE PENSAR :
"ERA ISTO QUE EU QUERIA PARA MIM?"
"PREFIRO SER AMADA OU SER REJEITADA?...

EU, JÁ DECIDI:
QUERO SER AMADA E AMAR, POR ISSO DIA 11 SÓ POSSO DIZER NÃO COM MUITA CONVICÇÃO.

TRANSCREVO O GRITO QUE AINDA BAILA NA MINHA CABEÇA DESDE DOMINGO E JAMAIS ALGUMA LEI DOS HOMENS APAGARÁ DA MINHA CONSCIÊNCIA:

"AI, ESTES SÃO OS FILHOS DA NAÇÃO
CRIANÇAS POR NASCER
ANSIOSAS POR VIVER
UMA NOVA GERAÇÃO"

QUE SOCIEDADE QUEREMOS DEIXAR ÀS NOVAS GERAÇÕES?

De Carla a 30 de Janeiro de 2007 às 13:59
Penso que a maior hiprocrisia do vosso blog passa pelo facto de se esquecerem q enquanto nao liberalizarem:

- NUNCA mais as politicas sociais sao postas em pratica porque vai-se continuar a fechar os olhos a algo que acontece ás "escondidas";

- NUNCA MAIS sabem quem pretende abortar logo nao vao conseguir chegar a essas pessoas para evitar que isso suceda;

Se acreditam tanto que a politica social e a religiao é a solução para este problema LIBERALIZEM e ponham maos à obra. Nao é penalizando e atirando este problema para a marginalização e para o lado obscuro da sociedade que ele vai deixar de existir.

Badajoz está aqui ao lado. O aborto vai continuar a existir enquanto nao houver politicas internas.

A igreja cada vez desilude mais. Tanta riqueza e tao pouca ajuda. Falam muito mas nao os vejo nas ruas, no meio das pessoas q realmente precisam.é realmente confortavel o trono de S PEDRO.

Outro questão gira que toca o limear da hipocrisia é chamarem vida a um feto. Optimo... é verdade!! e a mae, não é uma vida? Alguem se le,mbrou de defender a mae? O feto é uma vida potencial, a mae é uma vida concreta...

falando em vida potencial ou vida: um ovulo é vida. Um espermatozoide é vida... que diferença têm estas duas celulas de um feto com 7 dias que ainda nem sistema nervoso tem? Onde está o limiar da vida e da potencial vida nao vos sei dizer mas nao ha-de ser pelo conceito de vida que la chegamos...

Se formos pela vida os catolicos sao TODOS uns criminosos. Comemos ovos, comemos carne, comemos peixe... abiam que tudo isso é substituivel por cereais? sabiam que a comida vegetariana e macrobiotica é tao rica ou mais que a mediterranica? tendo a mais valia de nao ter as toxinas que advem de comermos cadavares, mas o que interessa isso, não é senhores?! sao animais, nao sao pessoas...

O mesmo amor com que Deus criou o homem foi aquele com que criou as plantas e os outros animais. quem somos nos para falarmos de matar quando matamos animais para comer e pessoas para enriquecer??? Nao vos vi tao activos a quando da tentativa de empedimento da ida de militares para o Iraque. O que são aquelas vidas para voces? porque se levantam tantas vozes no caso do aborto e no caso da guerra se cruzam braços?

Deixa-me de veras maravilhada ver quao entendidos sois no tema do aborto e das razoes que levam uma mulher a abortar. Como sabem voces disso? Têm casos de aborto na familia ou andam a ler muito? se colocarem um pouco no meio desta realidade apercebem-se que não é por leviandade que o aborto se faz. Ninguem faz com leviandade algo que causa tanta dor. conheço quem o tenha feito, mais do que um caso e não é bonito nem repetivel, mas quem fez nao se arrepende, apenas se entristesse por o ter feito.

Falando em dor, se a dor é assim tao grande, se o trauma é assim tao grande, como podem temer que o aborto se torne um metodo contraceptivo? acham mesmo que alguem se sujeitaria a um segundo aborto depois do que se sofre? tenham paciencia...

esclarecimento:
- Sou cristã, não sou catolica
- EM PRINCIPIO nunca faria um aborto mas exijo que se dê essa liberdade de decisão pois é a unica maneira de realmente haver liberdade de expressao e de despoltar na opiniao publica o dever de evitar esta situação.
De Ana a 31 de Janeiro de 2007 às 12:53
Gostei de ver neste blog um comentário do "contra"!
Lamento porém que se aborde razões religiosas quando o cerne da problemática são razões éticas, de direito e de vida!
Mas.. atenção... quando não se sabe nada, nada se deve dizer de abusivo! As igrejas estão na primeira linha de apoio às mães e aos seres humanos nascidos e por nascer!
Parabéns aos associados das ADAVs e de outras associações preocupadas com a defesa da vida!
Se vivesse na zona de Viseu teriam, por ter lido o comentário da Carla, nova associada!
Se é católica, Carla, significará que é inculta face á religião que porfessa! Estude muito e depois fale!
FORÇA DEFENSORES DAS MÃES e dos SERES VIVOS, HUMANOS, que naturalmente escolhem o aconchego do utero para se fazerem pessoas!
De Mª de Lurdes a 1 de Fevereiro de 2007 às 12:42
Carla vou começar pelo fim quando diz "sou cristã". Antes de afirmar o que se é, é preciso saber o que é que isso implica. Hoje é muito bonito, até é fino dizer não sou, sou assim assim, é mais fácil, pois não temos que tomar decisões, não estamos agarrados a nada, podemos ir por aqui ou por ali, fica tudo bem.Se alguém rouba para comer, se alguém mata porque está desesperado, se trafica porque precisa de dinheiro para sobreviver, etc, etc. porque continuamos a considerar crime?
É que assim toda a gente sabe que é mau, não se deve fazer, atenta contra alguém, contra a sociedade e para vivermos bem em sociedade temos que ter regras, só assim a convivência é pacifica.
Agora tornar aceite algo que não é bom ,porque só assim só pode evitar??!! Não percebo!
Não entendo comos os homens podem pensar em fazer isto a eles próprios. Num tempo em que se criam leis para defender as espécieis animais e vegetais em extinção, o que acho bom, quem nos defende a nós?
Agora vou ao inicio do seu comentário:
Então para que existam politicas sociais é preciso liberalizar o aborto?
Então não pode haver politicas sociais já?
Quem é que não quer?
A Igreja, o Estado, a sociedade, eu, a Carla?
Engraçado que a Igreja ainda é a Instituição que mais apoia e ajuda em todos os locais e frentes?
É no apoio aos doentes, idosos, crianças, grávidas, desfavorecidos, países em guerra, países pobres, lá vemos os missionários, os leigos comprometidos, as Instituições onde trabalham voluntários quase sempre com a Igreja por detrás.
Tem coragem de falar da Igreja?!
Então o que tem a Carla feito para ajudar e apoiar quem precisa?
E o Estado? E a sociedade?
Quem atira este probema para a marginalidade?
O Estado, os patrões, homens que não querem responsabilidades...
A Igreja é rica e poderosa?
Se a Igreja não fosse uma Instituição como é não conseguia ser ouvida e respeitada como é, apesar dos erros, que os tem, a Igreja (O PAPA) continua a ser ouvida quando no Vaticano e nos meios poiticos e sociais faa de PAZ, de CONCÓRDIA, de AMOR, de SOLIDARIEDADE... Sabe porquê?
Porque tem esse poder, que é temporal, humano, não é divino, mas a Igreja é uma Instituição humana, feita por homens, que erram, que vão em frente, que voltam a trás, mas tentam melhorar o mundo...
Um "feto" como a Cara diz não é vida.
Quando eu vi as ecografias dos meus filhos, ainda há alguns meses vi a 1ª ecografia do filho de uma irmã minha ás 7 semanas. Sabe o que era? UM FILHO, mexia, tinha mãos, pés, não era feijão, minhoca "coisa".
Sabe quem defende a mãe?
Quem a defende como pessoa, como mãe, como mulher, não como uma "coisa" que tem uma "coisa" dentro dela. É preciso ir´ás causas que potenciam um aborto para acabar com ele, não é dizendo "aborta á vontade que não há problema", que "o problema" fica resolvido.
Uma semente pode dar origem a uma vida, tem dentro de si a potencialidade de dar origem a uma vida.
Quando germina, tendo condições (terra, água, sol..) dá origem a uma nova planta, que cresce, cresce...
Um óvulo e um espermatozoide podem dar origem a uma vida, tem em si a potencialidade de dar origem a uma vida. Quando se fundem dão origem a uma nova vida, que cresce, cresce .. e não pode ser interrompida, porque se o for não volta a continuar a viver, morre.
Isso de comparar os catolicos a criminosos por comerem ovos e carne é giro, tem a sua piada, mas é hipócrita não é? Quer tapar os olhos a quem?
Sabe o que é amar?
É dar a vida pelo outro se for preciso, não é o que hoje se diz:Amar é fazer tudo o que apetece (então e o outro?) É como liberdade.
"Demos liberdade de decisão - diz a Carla.
Pois é , sempre ouvi dizer que a minha liberdade começa quando acaba a do outro.
Já não isto liberdade?
Então nós, os defensores do aborto não sabemos nada da vida? Os defensores do sim conhecem todas as misérias da terra e são os mais tristes e pobres deste mundo, vivem em casas pobres porque deram tudo o que tinham a quem precisava.
Os defensores do não não sabem da realidade, aiás vivem no Jardim do Éden , não na Terra!
Sabe eu sou a 2ª fiha de 5, o meu marido o 7º de 9, tivemos pais que sempre trabalharam para viver o melhor que puderam. A mãe do meu marido aos trinta anos estava na cama com uma doença incapacitante e teve quatro filhos ainda e é feliz!

Comentar post

.subscrever feeds